Javascript desabilitado
Logo MPF nome Logo MPF

Santa Catarina

Indígenas
8 de Janeiro de 2018 às 19h25

MPF/SC vai acompanhar investigação sobre morte de indígena em Penha

Crime contra Marcondes Namblá ocorreu em 1º de janeiro. MPF conversou com representantes da Terra Indígena Laklãnõ

Foto: Ascom - PR/SC

Foto: Ascom - PR/SC

O Ministério Público Federal (MPF) vai acompanhar a investigação sobre o assassinato do indígena Marcondes Namblá, de 38 anos. O crime ocorreu em Penha, litoral norte de Santa Catarina, na madrugada de 1º de janeiro. O procurador-chefe da Procuradoria da República em Santa Catarina, Darlan Airton Dias, recebeu nesta segunda-feira (8) representantes do povo Laklãnõ-Xokleng, da Terra Indígena Laklãnõ, da aldeia de Marcondes, em José Boiteux, no Vale do Itajaí, que manifestaram preocupação com a elucidação do crime.

As lideranças da Terra Indígena Laklãnõ solicitaram que o MPF/SC abra um Procedimento de Investigação Criminal (PIC) para que sejam averiguadas as causas do assassinato. Estiveram no encontro com Darlan Airton Dias o cacique presidente da Terra Indígena Laklãnõ, Tucun Gakran, e as lideranças indígenas Faustino Criri, Brasílio Priprá, Joasias Cuzugni, Jonas Ka-Mdem, Namblá Gakran, Carl Liwies Cuzung Gakran e Isabel Prestes da Fonseca.

Assessoria de Comunicação
Ministério Público Federal em SC
Fone: (48) 2107-2466
E-mail: prsc-ascom@mpf.mp.br
www.mpf.mp.br/sc
Twitter: @MPF_SC

registrado em: *6CCR
Contatos
Endereço da Unidade

Rua Paschoal Apóstolo Pitsica, 4876
Edifício Luiz Elias Daux
Agronômica, Florianópolis,SC
CEP 88025-255
Estacionamento: há 5 vagas para visitantes no piso G2

Atendimento de segunda a sexta-feira, das 12h às 18h

Telefones:

(48) 2107-6100 - Gabinetes
(48) 2107-2400 - Administração

Como chegar