Javascript desabilitado
Logo MPF nome Logo MPF

Procuradoria-Geral da República

Comunidades Tradicionais
6 de Fevereiro de 2023 às 18h30

MPF pede controle do espaço aéreo da região Norte onde pousos clandestinos aumentaram após cerco a garimpo de RR

Áreas indígenas e quilombolas podem estar no alvo de garimpeiros ilegais em fuga da Terra Indígena Yanomami

Arte retangular com a foto de uma pessoa remando um pequeno barco às margens de um rio. Ao fundo três casas de palafitas. Em letras brancas a expressão Comunidades Tradicionais

Arte: Secom/MPF

O Ministério Público Federal (MPF) solicitou ao governo federal, nesta segunda-feira (6), informações sobre quais medidas estão sendo adotadas para o controle do tráfego aéreo na região Norte, em especial em áreas indígenas e quilombolas. Além do pedido, o MPF sugeriu que sejam adotadas providências para o controle do espaço aéreo.

Segundo denúncias feitas pelas comunidades ao MPF, o número de pousos ilegais na região aumentou consideravelmente nos últimos dias, após o governo federal ter anunciado medidas para a retirada de garimpeiros da Terra Indígena Yanomami. Uma das suspeitas é que esse aumento do fluxo de pousos clandestinos seja de aviões de garimpeiros que estejam sondando a região para garimpo de ouro e cassiterita.

Outra possibilidade levantada em inquérito civil aberto pelo MPF é que a área siga sendo usada para abastecimento clandestino de aeronaves, prática que vem se intensificando principalmente desde 2021.

Destinatários – O MPF enviou as solicitações aos ministérios da Justiça e Segurança Pública e dos Povos Indígenas, ao Comando da Aeronáutica e à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Secretaria de Comunicação Social
Procuradoria-Geral da República
(61) 3105-6409 / 3105-6400
pgr-imprensa@mpf.mp.br
https://saj.mpf.mp.br/saj/
facebook.com/MPFederal
twitter.com/mpf_pgr
instagram.com/mpf_oficial
www.youtube.com/canalmpf

Contatos
Endereço da Unidade
 
 
Procuradoria-Geral da República
SAF Sul Quadra 4 Conjunto C
Brasília - DF
CEP 70050-900 
(61) 3105-5100
Atendimento de segunda a sexta, das 10h às 18h.
Como chegar
Sites relacionados
Área Restrita