Javascript desabilitado
Logo MPF nome Logo MPF

Ouvidoria do MPF divulga relatório de atividades do primeiro semestre de 2022

Documento traz dados estatísticos e informações sobre atividades desenvolvidas pelo órgão durante o período
Ouvidoria do MPF divulga relatório de atividades do primeiro semestre de 2022

Arte: Secom/MPF

A Ouvidoria do Ministério Público Federal (MPF) publicou o relatório semestral que reúne informações e dados estatísticos sobre as atividades desenvolvidas pelo órgão nos meses de janeiro a junho de 2022. O documento foi enviado ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), ao Conselho Superior do MPF e à Corregedoria, dando cumprimento à Resolução CNMP nº 153, de 21 de novembro de 2016. A Ouvidoria tem o papel de zelar pela qualidade, pelo compromisso público e pela ética nas atividades desempenhadas pelos membros, órgãos, servidores e serviços auxiliares do MPF, bem como para assegurar a interlocução com a sociedade. Atualmente o órgão desempenha suas funções em formato híbrido, atendendo ao cidadão remotamente e presencialmente.

Consta do documento que, no primeiro semestre de 2022, a Ouvidoria recebeu e tratou 1.753 manifestações (elogios, representações, críticas e sugestões). Desse total, após análise inicial do conteúdo, o órgão encaminhou 1.460 manifestações à Salas de Atendimento ao Cidadão (SAC), por não estarem relacionadas às atribuições da Ouvidoria. A SAC é responsável por distribuir essas demandas de acordo com a temática aos demais órgãos do MPF.

Do total de manifestações recebidas no primeiro semestre deste ano, 293 foram identificadas como sendo de atribuição da Ouvidoria e 298 casos foram resolvidos. Esse número inclui manifestações que, embora recebidas no ano anterior, foram solucionadas em 2022. Por meio de pesquisa realizada no período, o órgão verificou a evolução mensal do Índice de Satisfação do Manifestante. A média do indicador ficou em 72%, portanto acima da meta estabelecida, que é de 70%.

O relatório também traz a informação de que entre os meses de janeiro a junho, representada pelo ouvidor-geral, Brasilino Pereira dos Santos, a Ouvidoria do MPF participou das reuniões do Conselho Nacional dos Ouvidores do Ministério Público dos Estados e da União (CNOMP) e da 2ª Reunião da Rede de Ouvidorias do Ministério Público Brasileiro. Outro acontecimento marcante foi a participação do Ouvidor no evento comemorativo dos cinco anos da Ouvidoria da Presidência da República. Na ocasião, o ouvidor-geral do MPF destacou o papel do cidadão na promoção de melhorias nos serviços oferecidos por diversos órgãos públicos.

A participação da Ouvidoria em comitês e comissões do MPF também é destacada no relatório. O órgão integra a Comissão Permanente de Ética, o Comitê Gestor de Gênero e Raça, a Comissão Geral de Proteção de Dados e a Comissão Nacional de Prevenção e Enfrentamento do Assédio moral, Sexual e da Discriminação.

Confira aqui a íntegra do relatório.