Logo MPF nome Logo MPF

São Paulo

20/08/10 – Proteção de dados de crianças e adolescentes na Internet é tema de apresentação no MPF

O jurista argentino Carlos Gregório apresenta na próxima terça-feira (24), em São Paulo, as recomendações do Memorando de Montevidéu para preservar dados pessoais e a intimidade de crianças e adolescentes

O jurista argentino Carlos Gregório, ex-consultor da Unicef sobre direitos da criança, apresenta ao público brasileiro no próximo dia 24, às 14h, em São Paulo, o "Memorando de Montevidéu sobre a proteção de dados pessoais e da privacidade nas redes sociais da Internet, principalmente em relação às crianças e adolescentes". Conheça a íntegra do relatório clicando aqui.

Publicado em 29 de julho de 2009, o memorando indica recomendações aos Estados sobre: prevenção e educação de crianças e adolescentes para o uso consciente da internet, o marco legal e a aplicação das leis por parte dos Estados, políticas públicas e à indústria de conteúdos e serviços para a internet.

As recomendações são "uma contribuição para que os diversos atores envolvidos da região se comprometam com essa questão, visando não só ampliar os aspectos positivos da Sociedade da Informação e do Conhecimento, incluindo a Internet e as redes sociais digitais, como também para prevenir aquelas práticas prejudiciais que serão muito difíceis de reverter, incluindo o impacto negativo das mesmas".

As recomendações resultam de três dias de debates realizados no Seminário Direitos, Adolescentes e Redes Sociais na Internet, realizado na capital uruguaia, no final de julho de 2009. Pelo Brasil, participaram o presidente da ONG Safernet Thiago Tavares Nunes de Oliveira e a coordenadora do Programa Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças, Leila Paiva.

Carlos G. Gregorio é pesquisador do IIJusticia (Instituto de Investigação para a Justiça, da Argentina) e consultor da AMIJ (Associação Mexicana para a Administração da Justiça). Ele foi consultor da UNICEF e do Instituto Interamericano da Criança (OEA) em assuntos ligados aos direitos da criança e à justiça juvenil, coordenador do projeto Internet, Privacidade e o Judiciário na América Latina e Caribe (LAC) patrocinado pelo IDRC-Canada. Foi também consultor do Banco Mundial sobre programas de administração da Justiça no Brasil, Eslováquia e Moldávia, do Centro Nacional para os Tribunais de Estado em projetos na América Latina e Marrocos e Professor de Jurimetria na Faculdade de Direito da Universidade Torcuato di Tella (Buenos Aires, Argentina).

Na terça-feira, pelo MPF, participará o procurador da República Luiz Costa, Coordenador do Grupo de Trabalho Tecnologias da Informação e da Comunicação (GTTIC). Também estará presente a apresentação o presidente da Safernet, Thiago Tavares. A ONG mantém a central de denúncias conveniada com o MPF-SP e com a Polícia Federal, o site: www.denunciar.org.br

SERVIÇO - A apresentação do memorando será na próxima terça-feira, 24 de agosto, em duas etapas. Às 10h, a apresentação será destinada aos múltiplos operadores que atuam com a questão, como o MPF e ONGs. Às 14h, o documento será apresentado aos jornalistas e demais interessados. Ambas as apresentações ocorrem na sede da Procuradoria Regional da República da 3ª Região, na avenida Brigadeiro Luís Antônio, 2020, Bela Vista, São Paulo/SP.

Procuradoria da República no Estado de S. Paulo
Assessoria de Comunicação
Mais informações à imprensa: Marcelo Oliveira
11-3269-5068
ascom@prsp.mpf.gov.br
www.twitter.com/mpf_sp

Contatos
Endereço da Unidade
Rua Frei Caneca, nº 1360
Consolação - São Paulo/SP
CEP 01307-002
(11) 3269-5000
Atendimento de segunda a sexta-feira, das 10h às 18h


ATENDIMENTO AO CIDADÃO: canal de comunicação direta da instituição com o cidadão, com acesso aos serviços de representação (denúncia), pedidos de informação, certidões e de vista e cópia de autos. CLIQUE AQUI.
(11) 3269-5781
 

PROTOCOLO ELETRÔNICO: destinado exclusivamente aos órgãos ou entidades públicas e às pessoas jurídicas de direito privado, para envio de documentos eletrônicos (ofícios, representações e outros) que não estejam em tramitação no MPF. CLIQUE AQUI.

 
PETICIONAMENTO ELETRÔNICO: destinado a pessoas físicas e advogados para envio de documentos eletrônicos relacionados a procedimentos extrajudiciais em tramitação no MPF (exceto inquéritos policiais e processos judiciais). CLIQUE AQUI.
 

ATENDIMENTO À IMPRENSA: CLIQUE AQUI.
(11) 3269-5701  
Como chegar
Sites relacionados
Área Restrita