Logo MPF nome Logo MPF

Rio de Janeiro

Procuradoria da República no Rio de Janeiro

  • MPF nas redes sociais  
  • Facebook
  • Flickr
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Geral
18 de Março de 2019 às 14h20

MPF requisita informações sobre caso de médico flagrado cobrando consultas em UPA de Cabo Frio (RJ)

Prefeitura deverá informar providências tomadas com relação à conduta do médico, que também debochava de pacientes

Imagem mostra um médico desfocado em segundo plano digitando no computador. Em primeiro plano, um pote que parece ser de remédio e uma seringa estão na mesa.

Foto: iStock

O Ministério Público Federal (MPF) requisitou à prefeitura de Cabo Frio (RJ) que se manifeste sobre reportagem publicada em um portal de notícias que mostra um médico debochando de pacientes e cobrando dinheiro para continuar prestando o atendimento dentro de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, o médico aparece chamando um paciente de burro e cobrando R$ 50 para realizar consultas pelo período de um mês.

Foi fixado o prazo de 15 dias para que a prefeitura informe ao MPF as providências adotadas a fim de sanar as atitudes ilícitas descritas na reportagem, em especial com relação à conduta do médico citado, comprovando-se documentalmente. Com as informações prestadas, será analisado se há recursos federais envolvidos. 

Assessoria de Comunicação Social
Procuradoria da República no Rio de Janeiro
Tels: (21) 3971-9542 / 9543 / 9547
www.mpf.mp.br/rj
twitter.com/MPF_PRRJ

Contatos
Endereço da Unidade

Av. Nilo Peçanha, 31
Centro - Rio de Janeiro/RJ
CEP 20020-100

(21) 3971-9300
Atendimento de segunda a sexta, das 11h às 17h

Sala de Atendimento ao Cidadão:

Tel.: (21) 3971-9553

 

Consulta Processual: clique aqui

Atendimento à imprensa:

Tel.: (21) 3971-9542 / 9543 / 9547

E-mail: prrj-ascom@mpf.mp.br

Como chegar
Sites relacionados
Área Restrita