Procuradoria-Geral da República

Procuradoria-Geral da República

Indígenas
7 de Abril de 2017 às 18h5

#ABRILindígena: reunião de coordenação discute estratégias para solucionar problemas que afetam a Terra Indígena Jaraguá (SP)

A TI Jaraguá é a menor terra indígena do Brasil

#ABRILindígena: reunião de coordenação discute estratégias para solucionar problemas que afetam a Terra Indígena Jaraguá (SP)

A Câmara de Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais do Ministério Público Federal (6CCR/MPF) realizou, no dia 31 de março, reunião de coordenação para elaborar estratégias e uniformizar a atuação da instituição nas questões relativas à Terra Indígena (TI) Jaraguá, localizada em São Paulo. Participaram do encontro, realizado por videoconferência, membros do MPF em Brasília, vinculados à 6CCR, e em São Paulo, com atuação nos processos que envolvem a TI. Um dos encaminhamentos foi criar grupo de trabalho específico para discutir formas mais eficazes e céleres de enfrentar problemas como a regularização fundiária da TI e o acesso dos índios à saúde, educação e saneamento básico.

Na reunião, os procuradores discutiram a necessidade de uniformizar a atuação do MPF nos processos que tratam da regularização fundiária da TI Jaraguá em todas as instâncias da Justiça, respeitando sempre a independência funcional dos procuradores e o princípio do promotor natural. A intenção é distribuir os processos por prevenção, por área temática e analisando caso a caso, para garantir uma atuação uniforme do MPF. No encontro, além dos problemas fundiários, foi discutido o acesso dos índios à saúde, à educação e ao saneamento básico.

Com área demarcada de apenas dois hectares, TI Jaraguá está localizada nas proximidades do Pico do Jaraguá, na zona oeste da capital paulista. É a menor terra indígena do Brasil. A população ali residente – composta por 586 índios da etnia guarani, segundo dados de 2013 da Funai - reivindica área total de 532 hectares. Em junho de 2015, a Portaria Declaratória n. 581 do Ministério da Justiça reconheceu a área como de ocupação tradicional dos guarani, mas a decisão foi questionada na Justiça pelo Governo de São Paulo e está com seus efeitos suspensos.

 

 

registrado em:
Contatos
Endereço da Unidade
Procuradoria Geral da República
SAF Sul Quadra 4 Conjunto C
Brasília/DF
CEP 70050-900

 

(61) 3105-5100
Atendimento de segunda a sexta, das 10h às 18h.

Como chegar

Sites relacionados
Área Restrita