Logo MPF nome Logo MPF

Cooperação Internacional

24 de Fevereiro às 0h0
Por Debora Simões Teixeira Mourão

Procurador da PR/ES é selecionado para participar de curso no Japão sobre Justiça Criminal

Formação será realizado de 7 a 15 de maio em Tóquio

O procurador da República no Espírito Santo Thiago Lemos de Andrade  foi selecionado para participar do curso "Criminal Justice" com foco no tema “investigation and prosecution, adjudication and international cooperation”. O evento será realizado no período de 7 de maio a 15 de junho deste ano, em Tóquio, no Japão.

A seleção foi realizada por meio do Edital 01/2017 lançado pela Secretaria de Cooperação Internacional (SCI). O curso é uma iniciativa da Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica) e United Nations Asia and Far East Institute for the Prevention of Crime and the Treatment of Offenders (Unafei) e faz parte do Programa de Formação e Diálogo da Agência de Cooperação Internacional do Japão, implementado como parte da Assistência Oficial ao Desenvolvimento do Governo do Japão.

O nome do procurador será submetido à aprovação da Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA), que informará o resultado final até 8 de abril. Para isso, o procurador selecionado tem até 10 de março para encaminhar a documentação exigida no edital (certificado de inglês, diploma universitário, documentos pessoais, etc) e até o dia 12 de março dois artigos em inglês.

Um dos artigos deve tratar sobre o sistema de Justiça Criminal brasileiro, abordando tópicos e desafios ao lidar com organizações criminosas, e outro sobre estudo de caso ligado a tráfico de pessoas, contrabando ou crime econômico. Os documentos e artigos devem ser enviados para pgr-editais-sci@mpf.mp.br. A JICA providenciará passagens aéreas, hospedagem, alimentação e traslado.

O curso - O programa visa dar oportunidade a representantes de instituições de persecução criminal da Ásia e da Oceania e de outros países interessados, de conhecer boas práticas contra a corrupção, adquirir conhecimentos sobre o tema Criminal Justice Procedures and Practices to Disrupt Criminal Organizations.

Os organizadores também buscam a criação de uma rede internacional de parceiros com representantes dos países que participarão do evento: Armênia, Bangladesh, Costa do Marfim, El Salvador, Irã, Laos, Ilhas Maldivas, Myanmar, Nepal, Papua Nova Guiné, Somália, Sri Lanka, República do Congo, Sérvia, Tailândia, Timor Leste, Uzbequistão, Vietnã e Zâmbia.

No total, 14 membros e uma servidora já foram contemplados pelo programa da JICA por intermédio da Secretaria de Cooperação Internacional do MPF.