Logo MPF nome Logo MPF

Acre

Geral
8 de Julho de 2020 às 19h55

Coronavírus: MP/AC e MPF ingressam com ação judicial contra igreja evangélica por promover aglomeração de pessoas

Ação requer responsabilização da igreja evangélica Assembleia de Deus e do pastor Luiz Gonzaga de Lima por dano moral coletivo

Arte retangular sobre a foto de uma mulher jogando spray de álcool na mão. está escrito ao lado direito ação civil pública na cor branca e mpf embaixo na mesma cor.

Arte: Ascom/PR/AC

Em ação conjunta, o Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público do Estado do Acre (MP/AC) ingressaram com ação judicial contra a Igreja Assembleia de Deus de Rio Branco, por desobedecer às determinações do Decreto Estadual 5.496, que instituiu medidas para o enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da covid-19, entre as quais a realização de eventos religiosos em templos ou locais públicos, e a aglomeração de pessoas.

Assinada pelo procurador da República Lucas Costa Almeida Dias e pelo promotor Glaucio Ney Shiroma Oshiro, titular da Promotoria Especializada de Defesa da Saúde, a ação refere-se à denúncia veiculada pela imprensa e confirmada pela própria entidade religiosa acima mencionada, que esta teria promovido encontros, inclusive com a presença do pastor presidente da igreja, que reuniram cerca 120 pessoas em 18 e 19 de junho de 2020.

A ação requer responsabilização da igreja evangélica Assembleia de Deus e do pastor Luiz Gonzaga de Lima, por dano moral coletivo, e que se abstenham de promover a realização de reuniões, encontros, cultos ou qualquer outro tipo de atividade no âmbito da igreja evangélica Assembleia de Deus, e em suas filiais, enquanto permanecerem vigentes as disposições dos decretos governamentais, sob pena de pagamento de multa diária no valor de R$ 10 mil, que deverá ser direcionado ao Fundo Municipal de Saúde, sem prejuízo de providências relativas à ocorrência de possível ilícito criminal.

A decisão está fundamentada nos dados que demonstram que o Acre figura como o o estado com o 10º maior índice de incidência de covid-19 do Brasil, tendo registrado 14.941 casos confirmados da doença e 399 óbitos até 7 de julho.

O andamento do processo pode ser pesquisado com o número 0801155-03.2020.8.01.0001 no website do TJAC.

Íntegra do documento inicial da ação civil pública

Fonte: Agência de Notícia do MP/AC - Andréia Oliveira 

Assessoria de Comunicação MPF/AC
(68) 3214-1430 / 99238-7258
@mpf_ac

registrado em:
Contatos
Endereço da Unidade

Alameda Ministro Miguel Ferrante, 340

Portal da Amazônia – Rio Branco/Ac

CEP 69915-632

(68) 3214-1400
Atendimento de segunda a sexta, das 9h às 12h e de 13h às 16h

Plantão Jurídico:

Telefone: (68) 99238-7282

Atendimento ao Cidadão

Telefone: (68) 3214-1402

Assessoria de Comunicação

Telefone: (68) 3214-1430

E-mail:  

Informações sobre licitações

Telefone: (68) 3214-1405

E-mail:

Como chegar
Sites relacionados
Área Restrita